terça-feira, 15 de março de 2016

Estudo da obra literária Fogo Morto

A obra literária a qual estudaremos hoje é Fogo Morto de José Lins do Rego. Que nasceu no engenho Corredor, em Pilar (Paraíba), no dia 3 de junho de 1901. Durante sua época de estudante começou a escrever contos e artigos com temática política, vindo a manter amizade com diversos escritores e intelectuais importantes da época. Dentre eles, destaca-se o sociólogo e escritor Gilberto Freyre, uma de suas maiores influências.
Esse romance regionalista mostra o declínio dos engenhos de cana-de-açúcar nordestinos e traça amplo perfil das figuras decadentes que giravam em torno dessa atividade econômica.
Hoje discutiremos a primeira parte: “O mestre José Amaro” que era um seleiro renomado da região, Mestre José Amaro vive nas terras pertencentes ao Seu Lula. A dedicação do homem ao ofício consome a saúde, conferindo-lhe um aspecto doentio. Mora inicialmente com a filha Marta, uma solteirona que acaba enlouquecendo, e com a mulher, Sinhá.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antonio Gramsci

Todo Estado é uma ditadura.